A TV devia ser igual ao Google

a_tv_devia_ser_igual_ao_google Observando a TV à cabo essa semana, me dei conta de que eu não deveria pagar por ela. Pelo menos não o valor que eu pago. Eu sou um fiel assinante da Net à vários anos e além do preço da mensalidade ter aumentado, o número de propagandas também aumentou bastante, chegando a ter mais anúncios que na TV aberta.

Mas então, porque eu pago por ela?

A primeira coisa que me veio à cabeça foi o cabo, mas logo acabei com essa dúvida lembrando de um fato interessante: se você quiser assinar somente a internet à cabo, você paga um valor básico por mês que inclui os canais abertos. A última vez que olhei, esse valor era de R$25 reais, logo esse é o valor do “aluguel” do cabo.

Depois pensei sobre os novos programas, mas tanto a Globo com o SBT exibem os mesmo programas que o cabo, só que com um pequeno atraso. Não é possível que eu pague tanto apenas por 6 meses.

 

A terceira alternativa é bem básica: qualidade de sinal. A Net tem menosprezado a qualidade de seu sinal, exaltando a nova Net Digital, que é muito mais cara por incluir alguns canais a mais e diversas funções que quase ninguém usa. E eu não posso assiná-la porque as TVs da minha casa são velhas demais para eles.

Na quarta posição temos uma bem malvada e realista: elas querem ganhar mais dinheiro e abduzir nossas mentes. Tá bom, não chega à tanto, mas é bem óbvio que elas querem ganhar mais tudo bem, eu também quero!

A solução

Seria interessante se elas seguissem o modelo do Google por completo, ao invés de somente por parte. O modelo do Google é simples, propaganda mais cara para os anunciantes, porém mais relevante e direcionada. Com o dinheiro que ganham, oferecem mais serviços gratuitamente.

A primeira parte eles já fazem, e muito bem. Anúncios de brinquedos caros no canal de desenho que é assistido por crianças das classes A/B, já a segunda é esquecida.

Pra que tanto falatório se eu não chego à lugar nenhum?

Minha reinvidicação é simples: eu quero simplesmente mais por menos. Mais opções de canais e mais programas por menos valores mensais. Será que é tão difícil para as empresas entenderem que é possível ganhar mais oferecendo mais? O modelo de ganha-ganha é tão conhecido na maioria das empresas top de linha, que não deviam ser ignorados por nossas tão queridas prestadoras de serviços de TV.

2 ideias sobre “A TV devia ser igual ao Google”

  1. Um problema que eu vejo com a tv a cabo é que na falta de concorrência, pra que eles melhorarem?

    tem alguma outra empresa que oferece tv a cabo ai? entende?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *